Main menu

O sonho de voar em uma máquina de guerra

IMG_3007 - Copy

Momentos antes do voo, tensão e alegria acompanham a guerreira.

Como é voar em um avião durante a CRUZEX?! A pergunta é realizada diariamente por jornalistas, fotógrafos, fãs de aviação e todos aqueles que se impressionam com as aeronaves de combate.

Para responder a esta pergunta, colocamos a bordo de um avião A-29 Super Tucano uma Oficial da FAB que nunca antes havia sequer sentado na cabine de uma aeronave de combate. A Tenente Talita Lopes é profissional de Relações Públicas e conta abaixo como foi a emoção de participar de um voo na CRUZEX Flight 2013. Agora quem assume o comando deste post do Força Aérea Blog é a nossa tenente. Vamos acompanhar agora o depoimento dela?

6 coisas que você não sabia sobre a CRUZEX

Media Flight - CRUZEX V“O Nordeste está em guerra”. Já imaginou abrir o jornal e dar de cara com uma notícia dessas? Bom, pessoal, mesmo que pareça improvável, é fundamental estarmos prontos para o combate, não é mesmo? Por isso, a Força Aérea Brasileira (FAB) criou o Exercício Cruzeiro do Sul (CRUZEX), para treinar seus militares em situações de conflito. A primeira edição aconteceu em 2002 e, desde então, tem mudado e aperfeiçoado a forma de empregar o poder aéreo na FAB. Operações como a CRUZEX são oportunidades únicas de os países trocarem informações, doutrinas e aperfeiçoarem a forma de agir em missões reais.

Às vésperas do início da CRUZEX Flight 2013, o post de hoje vai te levar numa viagem no tempo, relembrando os episódios que mais marcaram as seis edições, além de alguns dados que provavelmente você não sabia sobre o maior exercício de guerra simulada da América Latina.

Juntos contra o câncer de mama!

Atenção meninas! O post dessa semana foi feito especialmente pra vocês! A campanha internacional chamada Outubro Rosa vem nos lembrar não só a necessidade do diagnóstico precoce do câncer de mama, mas do cuidado com a saúde da mulher! Embora estejamos na metade do mês, ainda dá tempo de tocarmos no assunto! Aliás, todo dia é dia de lembrar a importância da prevenção dessa doença!

 

T-27 Tucano: três décadas de muitas emoções!

Nossa querida aeronave T-27 Tucano completou 30 anos voando pela Força Aérea Brasileira! Que orgulho!

Mundialmente conhecida por representar a Esquadrilha da Fumaça, a aeronave foi desenvolvida pela Embraer em parceria com a FAB e é responsável pela formação de todos os aviadores que passaram pela Academia da Força Aérea (AFA), em Pirassununga (SP), desde a sua chegada em 1983! Ufa!

O Tucano nasceu para substituir o Cessna T-37C, antiga aeronave de treinamento.

 

Qualidade de vida pra quem muito já fez!

Nesta semana, comemoramos o dia do idoso! E lembrando daqueles que já fizeram muito pela Força Aérea Brasileira, aproveitamos para dizer que, há quase 30 anos, a Força procura retribuir essa dedicação de toda uma vida, mantendo a Casa Gerontológica de Aeronáutica Brigadeiro Eduardo Gomes (CGABEG) aberta e em pleno funcionamento!

A Casa Gerontológica oferece assistência geronto-geriátrica, pioneira no âmbito das Forças Armadas. São atendidos aproximadamente 160 idosos, dos quais 110 são internos e 50 são participantes do Centro de Convivência da CGABEG, todos militares ou dependentes de militares.

Considerada referência no atendimento ao idoso no país, na casa encontramos programas regulares de exercício da memória e de fortalecimento social, além de outras atividades que você confere abaixo. Vamos lá?

Nos bastidores do nosso “Clube de Mídia”

130927JOH2276(c)Johnson_BarrosBom, pessoal. Vocês já devem saber que mídias sociais e relacionamento com os nossos fãs e seguidores é uma prioridade no Centro de Comunicação Social da Aeronáutica. O post de hoje tem tudo a ver com isso e é muito especial, pois conta os bastidores da criação do nosso vídeo de 100 mil fãs no facebook!!! Quem aí tá animado levanta a mão!!  \o/

Tudo que entra como pauta para gerarmos conteúdo para nossas redes sociais é sempre cuidadosamente discutido e ponderado pelos profissionais de comunicação aqui do Centro.

Operação Laçador: simulação de conflito real entre países

laçadorNa última segunda-feira (16/9), iniciou na região sul do Brasil a Operação Laçador, um exercício de adestramento conjunto conduzido pelo Ministério da Defesa, com a participação da Marinha, do Exército e da Força Aérea, sob a coordenação do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (EMCFA). Mais de 8.000 militares das três Forças estão envolvidos.

Nesse exercício estão planejadas ações diretas de Forças Especiais, transporte de tropa com pouso de assalto, transposição de curso D água, controle de localidade, ações sobre reserva inimiga e tropas de defesa de área de retaguarda, estabelecimento de cabeça de ponte aérea, patrulha antissubmarino, defesa de ponto sensível com apoio da artilharia antiaérea, controle de danos, ressuprimento aéreo, entre outras. Tudo isso visando o adestramento de ações críticas de combate, apoio ao combate e apoio logístico, singulares e/ou conjuntas.

Fazenda da Aeronáutica: você não sabia, mas ela existe

DSC_0540

A 2º Tenente Veterinária Mariana é a Chefe da granja de suinocultura da Fazenda da Aeronáutica

Você sabia que existe uma unidade da Força Aérea Brasileira na qual trabalham cinco médicas veterinárias? E que elas são responsáveis por 200 vacas leiteiras e cerca de 3 mil suínos? Não? Estamos falando da Fazenda da Aeronáutica de Pirassununga (também conhecida como FAYS), que fica junto à Academia da Força Aérea –AFA.

Mas claro que não são apenas essas cinco médicas veterinárias que trabalham lá. Na verdade, são 105 militares e 80 civis que atuam desenvolvendo as atividades na FAYS e, sinceramente, não são poucas!!!

O novo A-1, mais letal, mais preciso, mais eficiente…

O cenário na década de 80 era de mudanças profundas na sociedade brasileira e, também, de inovações na nossa indústria aeronáutica. Um dos mais audaciosos projetos da EMBRAER, o AMX ou A-1 para a Força Aérea Brasileira (FAB), decolou no dia 16 de outubro de 1985, às 15h47, e aquele pouso significou o primeiro sucesso de uma nova aeronave de ataque. A parceria entre a EMBRAER e as empresas italianas Aermacchi e Aeritália mostrou que o modelo FAB 4200 poderia substituir os brasileiros AT-26 Xavante. Mas o projeto foi além de uma mera substituição: o A-1, o “avião computador”, trouxe novidades tecnológicas como Head Up Display (HUD), Chaff, Hands on Trottle and Sticks (HOTAS), Flare, Continuosly Computed Initial Point (CCIP), Multifunctional Display (MFD) e Radar Warning Receiver (RWR). No dia 3 de setembro, a FAB recebeu o seu primeiro avião modernizado, o que significa mais de 20 anos de ação dos aviões nos céus brasileiros. Vamos explicar mais adiante. Acompanhe.

NAVAMAER: As olimpíadas dos cadetes!

DSC_0021

A prova da pista de obstáculos faz parte do pentatlo militar

Nesta semana, se reúnem em Pirassununga-SP, na Academia da Força Aérea (AFA), aproximadamente, seiscentos cadetes e aspirantes das três Forças Armadas para um torneio esportivo. Estamos falando da NAVAMAER, uma competição entre os futuros oficiais que acontece entre os dias 30 de agosto e 5 de setembro.

Formação do Piloto de A a Z – o máximo da mobilidade e versatilidade nas Asas Rotativas!!!

Em nosso último post sobre a formação dos pilotos, falamos sobre a Aviação de Patrulha. Hoje, o tema é a Aviação de Asas Rotativas. Então, pra começar, você sabe o porquê desse nome?

A aviação de Asas Rotativas recebe este nome pelas características das suas aeronaves. Os helicópteros têm essa designação porque suas hélices, que dão propulsão para eles decolarem, são as suas “asas”, responsáveis pela sustentação no ar. Daí já dá para perceber que as Asas Rotativas exigem habilidades diferentes do piloto, não é mesmo?

Ações Cívico-Sociais: É a FAB Presente na Vida dos Brasileiros

7818746852_cdef25540e

Não importa onde, nem como. Vamos até onde a população precisa de apoio.

Ação Cívico-Social (ACISO), o que isto significa? São missões organizadas pela FAB, individualmente ou em conjunto com as outras Forças, realizadas de norte a sul do Brasil, durante o ano todo. O objetivo é oferecer aos cidadãos serviços de cunho social que ao mesmo tempo cumpram com os requisitos de adestramento e preparo e emprego da Força, uma das nossas atribuições em tempos de paz. Realizadas durante todo o ano, as ACISO podem ter como foco o atendimento nas áreas da saúde, educação e cultura, bem como a assistência a vítimas de tragédias naturais.

Durante as seis edições da Operação ÁGATA, a FAB e as demais Forças Armadas protagonizaram missões ACISO em todo o país, beneficiando milhares de pessoas que receberam atendimento médico e odontológico, tiveram apoio para reconstruir suas cidades ou receberam palestras educativas sobre o uso de álcool e outras drogas. Muitas das localidades atendidas são de difícil acesso e carentes de recursos humanos especializados, materiais ou, às vezes, dos dois.

Portões Abertos, o evento mais Força Aérea que existe!!!

Não é de hoje que os Portões Abertos é o evento mais esperado de uma unidade militar pelo público. Nesse post, você vai conferir a previsão dos Portões Abertos pelo Brasil afora e também um pouco do que aconteceu nos outros anos, além de algumas particularidades em cada local onde é realizado…

Em algumas unidades, esse evento existe há mais de 30 anos e seu caráter cívico de aproximação com a comunidade aeronáutica tem atraído milhares de pessoas todos os anos. As OM que já tem as datas pré-definidas para 2013 estão na ilustração abaixo. Se a sua cidade ainda não estiver listada, não se preocupe, iremos atualizar este post a medida que outras data forem sendo confirmadas.

Calendario Eventos-01

Guerreiros de Quatro Patas: Não pergunte se são capazes, apenas dê a missão!

Ciara___Femea___Pastor_Alemao___7_anos__1_

Cadela Ciara, do Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica (CIAAR), em Belo Horizonte – MG

 

O cão é o melhor amigo do homem há cerca de 32 mil anos. Amigo fiel, ele é companhia para todas as horas, faz a segurança da família que o adota e ainda é personagem de muitas histórias.  Hoje, a estrela do nosso Blog são os “Cães de Guerra” da FAB! Você sabia que eles podem salvar vidas?

Santos Dumont, um gênio brasileiro

Foto: acervo Fundação Casa de Cabangu

Foto: acervo Fundação Casa de Cabangu

Alberto Santos Dumont, o mineiro nascido na Fazenda Cabangu, foi o primeiro a fazer com que um aparelho mais pesado que o ar voasse por meios próprios. Batizado de 14 Bis, o primeiro avião desenvolvido por Santos Dumont alçou voo e foi resultado de muitos estudos, experiências e alguns acidentes. Isso muita gente já sabe! Mas o lado inventor de Santos Dumont foi muito além do avião. Engenheiro e estudioso autodidata, ele criou, adaptou e desenvolveu alguns objetos que são muito comuns em nosso dia-a-dia. Você sabe quais são? Leia aqui mais um pouco sobre o rapaz franzino que revolucionou o mundo com suas descobertas.