Main menu

Foto original em Pisa, na Itália.

Foto original em Pisa, na Itália.

Depois de quase 70 anos após a foto que marcou o início da Aviação de Caça no Brasil, o compromisso continua o mesmo: “o sacrifício da própria vida quando preciso for”.

Pois é, o difícil foi reproduzir tudo isso nos dias de hoje… E esse é o tema do post de hoje!

 

Como dissemos no post anterior, a Agência Força Aérea fez uma homenagem a todos os militares que atuaram na Campanha da Itália, durante a Segunda Guerra Mundial. Não falamos apenas dos pilotos, mas também dos mecânicos e outros especialistas que trabalharam junto. A Agência coordenou a reprodução da histórica foto, mas agora com os atuais integrantes do 1° Grupo de Aviação de Caça (1º GAVCA).

Pra quem ainda não sabe, toda essa movimentação para reproduzir a foto (confiram no fim do post) faz parte da homenagem em comemoração ao Dia da Aviação de Caça, celebrado todo dia 22 de abril.

A foto original foi feita em Pisa, na Itália, pouco antes dos nossos aviadores voltarem para o Brasil após as batalhas travadas na Europa. Já a foto atual, aqui no Brasil, no Museu Aeroespacial da FAB (MUSAL), no Rio de Janeiro. A ideia foi de um dos nossos fotógrafos, o Segundo Sargento Johnson Jonas Canindé M. de Barros.

Só que para reproduzir esse momento, amigos… sinceramente??!?! Não foi nada fácil… Nossos colegas aqui do CECOMSAER tiveram que realizar várias missões… Confere aí:

1 Diversos contatos com o Comandante do 1° Grupo de Aviação de Caça para definir uma data. Só que esse Esquadrão é extremamente operacional, não para nunca!!! Enfim, conseguimos!

2 Mandamos um fotógrafo realizar a proeza.

3 O Esquadrão está situado na Base Aérea de Santa Cruz (BASC) e o avião P – 47 Thunderbolt (usado na foto reproduzida) está no MUSAL, na Vila Valqueire, extremo oeste do Rio. A distância entre eles é de 35 km, sem falar no trânsito do Rio de Janeiro que, por vezes, não ajuda muito, né?!?

4 Retiramos o P – 47 do hangar do MUSAL e levamos próximo à pista.

5 “Tivemos que descobrir qual lente foi usada pela câmera fotográfica na época, ou seja, há 68 anos atrás, para tentar fazer a foto atual o mais parecida com a foto original. Para isso, analisamos vários aspectos da foto original, como a distorção e o formato”. Explica o Sargento Paulo César Ramos Rezende, que fez a foto.

6 Até aí, tudo ok. Com o avião no local, surgiu outro desafio: posicionar os atuais integrantes no mesmo local que os integrantes da foto feita na Itália, o que não foi nada fácil. Sabe aquele “cara-crachá”? Pois é, o Sargento Rezende fez isso muitas vezes, até posicionar todos no local certo. Mesmo assim, a foto atual ficou com menos militares que a foto original, pois o contingente da Itália era maior que o de hoje (mas calma, gente, pois temos ainda muitos outros esquadrões de caça…).

7 “Para mim, foi muito gratificante estar lá. Realizar esse trabalho. E com certeza para eles também. Foi um momento ímpar. Uma bela homenagem para esses heróis que tão bem representaram o Brasil lá fora”. Mais um detalhe do Sargento Rezende, sobre os bastidores da foto.

O resultado vocês conferem a seguir. E aí, o que acharam da reprodução? Legal, hein?!?!?!

Foto produzida pelo CECOMSAER com o 1° Grupo de Aviação de Caça

Foto produzida pelo CECOMSAER com o 1° Grupo de Aviação de Caça

“Posso falar por todos os pilotos do Esquadrão que participar desta foto foi marcante e emocionante, porque revivemos uma foto do passado e lembramos os nossos heróis que participaram da Segunda Guerra Mundial. Aquela foto também representa o legado que eles deixaram para a Aviação de Caça da atualidade. E, agora, assim como na Itália, a Aviação de Caça está pronta a qualquer momento para representar o Brasil em uma missão real”, comenta o 1º Tenente Aviador Daniel Ferry, do 1º Grupo de Aviação de Caça.

Ao todo, envolvemos jornalistas, relações públicas, publicitários, fotógrafos, aviadores e diversos outros segmentos na empreitada (virou um desafio…). Foram 500 (!!!!!) horas de trabalho, entre fotografias, filmagens, edição, reuniões e  deslocamentos. Tudo para mostrar pra você que a missão continua, que o sentimento é o mesmo e o compromisso é pra vida toda!!!

Esperamos que vocês lembrem com carinho essa data, 22 de abril, Dia da Aviação de Caça da Força Aérea Brasileira. E cá entre nós, depois disso tudo, fica difícil esquecer, concordam?!?! Fica a dica e até o próximo post!

Aproveita e dá uma olhada na Aerovisão, na qual fizemos a homenagem. Basta acessar o link a seguir: http://issuu.com/portalfab/docs/aerovisao236

Se quiser, veja também a matéria “A invenção do voo”, realizada pela Revista de História da Biblioteca Nacional, que usou a mesma foto clássica que mostramos acima em sua capa. Acesse aqui no link abaixo:

http://www.revistadehistoria.com.br/revista/edicao/92

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Comente pelo Facebook