Main menu

Entre suas metas para 2016 está a aprovação em um dos concursos da Força Aérea Brasileira!? O mês de fevereiro já está terminando! E você, já começou a estudar? Correr? Fazer flexões? surprised O Força Aérea Blog vai te dar uma ajudinha extra divulgando neste post a rotina de um ex-concurseiro e cadete da Academia da Força Aérea  (AFA), o Mateus De Lazzari Sereno, de Ponte Nova (MG), que acabou de ser aprovado! laughing Além disso, reunimos as principais dicas que todo concurseiro deve saber para ingressar na FAB! cool, inclusive, a previsão de todos os concursos para 2016 e suas fases. wink Tudo isso pra você se preparar com antecedência e fazer com que seu sonho de ser militar da FAB saia do papel! Afinal, #éissoqueimporta! Então, se liga nesse bizural! 

 

 

PRA TE DAR MOTIVAÇÃO, #seliga no testemunho do Cadete Mateus. Veja como foi a rotina de estudos, treinos e tudo mais...

 

"Por não ter, até onde sei, parentes militares ou aviadores, e não estar em contato com esse universo, demorei muito para ficar sabendo sobre o processo de seleção da Academia da Força Aérea. Foi somente no início do terceiro ano do Ensino Médio que, em meio a pesquisas sobre diferentes cursos e carreiras a seguir, esbarrei no site da FAB e, na aba "Formas de Ingresso", encontrei o Curso de Formação de Oficiais Aviadores.

Ao saber da existência de um curso de formação de oficiais aviadores, tudo aquilo que eu sempre tivera como ficção ou simplesmente não considerava em meus planos para o futuro se tornou uma possibilidade: Ser um piloto militar. Após muito pesquisar sobre o curso em si, sobre a carreira depois de formado, e ter visto todos os vídeos que consegui achar sobre o assunto, meu anseio por ingressar na AFA só aumentou. Isso somado ao fato de eu desde pequeno ter jogado simuladores, assistido filmes e curtido muito o universo da pilotagem militar (nunca sabendo da real possibilidade de seguir esse caminho), só fez com que a AFA se tornasse minha opção número um, superando quaisquer outros cursos que eu havia cogitado até o momento. E a cada dia que passava, a cada descoberta nova que eu fazia, a certeza de que esse era o caminho a seguir só aumentava.

Assim que eu estabeleci como objetivo definitivo ingressar na AFA e li o edital, estado ciente do que seria cobrado de mim, começou a preparação. Como eu acordava normalmente às 6, para ir à aula às 7, passei a acordar às 5:30, transformando a meia hora extra em treinamento físico (flexão, abdominal e barra, apesar de não ter barra no teste).
 
Terminada a aula e após o almoço, passei a ir à Biblioteca da UFV (como alunos do Coluni, que é dentro da Universidade, tínhamos acesso a ela) estudar, usando os muitos livros lá disponibilizados. O foco era a Física e a Matemática. Pelo que havia visto nas provas dos anos anteriores e devido à falta de tempo (praticamente 4 meses), arrisquei não focar as outras matérias. Eu só ia embora para casa quando achava que tinha visto matérias o suficiente, e as que eu aprendia eu riscava da lista.
 
Muitas vezes os estudos iam até tarde, mas, sempre que eu chegava em casa, ainda tinha que sair pra treinar a corrida e o salto, independente do horário (me planejava para ir às 20:00). Muitas vezes, depois de chegar da corrida, eu ainda fazia uns exercícios das matérias estudadas e ainda tinha que manter em dia a matéria da escola, que é bem apertada. Nos finais de semana, eu levava os livros para estudar em casa, tendo o dia inteiro disponível para isso, na maioria das vezes. Era uma rotina cansativa e que sacrificava muito a vida social, mas eu tinha em mente que era um esforço que renderia uma vida inteira de frutos pela frente. Consciente dos perigos do stress, tirei uma semana de folga, sem estudos, antes da prova, e fui bem tranquilo. Creio ter sido fundamental para o êxito.

Caramba, quando chegou o resultado da prova escrita eu fiquei muito feliz! Tipo, completamente! Só de lembrar do momento já sinto de novo as sensações. Eu vibrei muito, muito mesmo! A primeira coisa que fiz foi ligar pros meus pais (eu moro sozinho) pra dar a notícia e eles também ficaram felizes! Contei pra todo mundo que vinha acompanhando minha preparação e que sabia da minha opção de curso e senti também um tremendo alívio por não ter que esperar mais um ano para tentar de novo. E a cada etapa que eu superava no processo de seleção, a comemoração era imensa e a realidade de me tornar um cadete da AFA cada vez mais próxima.

Ao meu ver, a palavra que resume a dificuldade do Estágio de Adaptação é "privação". A privação do contato com o exterior, a privação do conforto, a privação do sono, a privação à liberdade de rotina, por exemplo. Somado a isso, há o intenso desgaste físico e mental, já que imagino um pesadíssimo treinamento físico lá dentro, e constantes exposições à pressão psicológica e ao stress. Mas faz parte. Sem isso, jamais teríamos um corpo eficientemente preparado para exercer sua função. Mas mesmo assim assusta um pouco, hehe...

Nesse momento, predomina uma mistura de felicidade com ansiedade. Felicidade por estar tão próximo de ingressar num lugar em que tanto me esforcei para estar e por saber que os frutos de meus esforços e do apoio de meus familiares e amigos logo serão colhidos. Ansiedade por não saber exatamente o que me aguarda agora na Adaptação e por querer que chegue logo o dia de estar lá! Mal posso esperar para chegar à AFA e conhecer o processo no qual estou me inserindo e as pessoas que passarão esses tão árduos 40 dias ao meu lado."

 

E aí, gostou? Tá motivado? Quer ser militar da FAB? Então #seliga e comece o seu planejamento desde já!!!

É CLARO QUE ESSAS DATAS PODEM MUDAR! yell

Então, acompanhe sempre o site da FAB e as mídias sociais sem moderação tongue-out

O primeiro concurso previsto para 2016 é o Estágio de Adaptação à Graduação de Sargento da Aeronáutica (EAGS-B), com previsão de lançamento do edital para este mês! Quer saber mais detalhadamente como entrar na Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR), em Guaratinguetá (SP)? Dá uma passadinha nesses posts aqui, ó: “Técnico ou especialista? Na verdade somos todos sargentos” (Parte 1) e (Parte 2) e a trilogia "Especial Semana do Especialista de Aeronáutica" (Parte 1), (Parte 2) e (Parte 3). Confira alguns dados importantes abaixo:

Ainda no mês de fevereiro, foi lançado o Curso de Formação de Sargentos da Escola de Especialistas da Aeronáutica (EEAR).  Confira os detalhes:

No dia 26 de fevereiro, foram lançados os editais do Curso de Adaptação de Dentistas da Aeronáutica (CADAR) e do Curso de Adaptação de Farmacêuticos da Aeronáutica (CAFAR), para quem já tem formação na área! Ouça aqui o nosso podcast!

Além desses dois exames de admissão, na mesma data, abriram inscrições também para o Estágio de Adaptação de Engenheiros da Aeronáutica (EAOEAR) e 16 vagas para o Estágio de Adaptação de Oficiais de Apoio (EAOAP), para as seguintes especialidades: Administração (3 vagas), Análise de Sistemas (1 vaga), Enfermagem (1 vaga), Jornalismo (1 vaga), Pedagogia (2 vagas), Psicologia (1 vaga), Serviços Jurídicos (5 vagas) e Serviço Social (2 vagas)!

 

No mês de abril, estão previstos os concursos para o Estágio de Instrução e Adaptação para Oficiais Capelães (EIAC) e o Curso de Formação de Oficiais Aviadores, Intendentes e de Infantaria da Aeronáutica (CFOAV/INT/INF):

 

Em maio, haverá o Exame de Admissão ao Curso Preparatório de Cadetes do Ar (CPCAR):

 Em julho, é a chance pra você que quer ser um anjo-doutor e salvar vidas! Haverá vagas para o Curso de Adaptação de Médicos da Aeronáutica (CAMAR):

Em agosto, acontece a seleção para a o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), localizado na cidade de São José dos Campos (SP). O ITA é um estabelecimento de ensino superior, sob a jurisdição do Comando da Aeronáutica e oferece cursos nas áreas de Engenharias Aeronáutica, Eletrônica, Mecânica, de Infraestrutura Aeronáutica (Civil) e de Computação. Já falamos aqui no Blog sobre a rotina dos alunos! Quer saber o que te espera por lá? Leia aqui.

Além disso, no final do mês de agosto, acontece a seleção para a segunda turma do Curso de Formação de Sargentos da Escola de Especialistas da Aeronáutica (EEAR), o CFS-B (Veja acima).

E para o início do ano de 2017, o Curso de Formação de Taifeiros da Aeronáutica (CFT).

Além de todas estas oportunidades, os jovens brasileiros do sexo masculino que completam 18 anos em 2016 já podem fazer o alistamento militar online, desde o dia 4 de janeiro! Saiba mais sobre o Alistamento Militar!

E aí!? Gostou? Você pode ter todas as informações sobre ingresso na FAB (e muito mais!) também pelo nosso aplicativo! Já conhece? #BaixeJá #napalmadamão

 

 #FICADICA

Ah!!! Não deixe de conferir o nosso #TOP5 que todo concurseiro deve saber para entrar na FAB e o blog Saiba tudo sobre o teste físico para ingressar na FAB!

ATENÇÃO! É bom lembrar que, se você já é militar, deverá comparecer a todas as etapas dos concursos da FAB com o uniforme correspondente previsto no item “uniforme e traje” do edital. Se você é civil, deverá atentar que não poderá trajar bermuda e/ou chinelo no decorrer das etapas realizadas dentro de organizações militares. Durante a concentração intermediária, informe-se com os fiscais se os candidatos poderão levar bermudas para fazer o teste físico e se haverá local para trocar de roupa! 

No final, tudo valerá a pena! Acredite! Cada noite mal dormida, cada final de semana "perdido", enquanto a família fazia churrasco e você ficava no quarto estudando... Ou enquanto a turma saía pra balada todo final de semana e você não! cry Fique firme no cronograma e repita conosco: EU VOU PASSAR e não quero nem saber! yell Não importa se você trabalha, estuda e tem que arrumar a casa enquanto o concorrente não tem um papagaio pra dar água! Não pense que você só vai conseguir estudar se for no silêncio de uma biblioteca! Aspira estuda onde der, a hora que conseguir! Treine sua capacidade de concentração! O tempo é curto e não dá pra ficar se enganando! É isso! Fique firme nos estudos e nos treinos! Nos vemos por aqui! laughing

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Comente pelo Facebook