Main menu

egito 2

Helicóptero sendo atingido por vários raios laser durante manifestações populares.

O que você faria se fosse um aviador e durante um voo, de repente perdesse a visão? Tenso, não? Imagine ainda se você se deparasse com algum objeto no ar capaz de paralisar um dos motores do avião? Nem precisa ser piloto para ter um ideia do perigo que essas situações representam. Infelizmente elas não estão presentes apenas no campo da imaginação. São comuns, até, e podem colocar em risco a vida de milhares de pessoas, todos os dias.

 

 

laser verde

A foto produzida em estúdio simula a ação do laser quando atinge o pára-brisa de uma aeronave. Em contato com os olhos do piloto, os raios laser resultam em cegueira momentânea.

Pensando nisso, a Força Aérea Brasileira trabalha noite e dia pela segurança de voo, realizando campanhas junto às comunidades próximas aos aeroportos e bases aéreas. Nos nossos canais de relacionamento (facebook, twitter e instagram) também desenvolvemos ações para sensibilizar e conscientizar a todos sobre os fatores que podem colocar em risco a aviação. O Centro de Prevenção e Investigação de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA) vem trabalhando fortemente neste sentido. Exemplo disso foi a parceria inédita realizada entre a FAB e a Maurício de Sousa Produções.

turma da monica

Edição especial da revista Turma da Mônica criada em parceria com a FAB, por meio do CENIPA, para sensibilizar as crianças para os perigos dos lasers e balões.

A pedido do CENIPA, a Turma da Mônica participou de uma edição especial da revistinha em que lasers e balões foram o tema principal. Na história em quadrinhos, os personagens se envolvem em um voo que é prejudicado por raios laser e balões de São João. O lançamento do gibi aconteceu durante o Simpósio de Prevenção de Acidentes Aeronáuticos, no dia 17 de agosto, em São Paulo-SP. Maurício de Sousa esteve presente no evento e falou de sua paixão por aviões e do orgulho em participar deste trabalho conjunto com a FAB na missão de conscientizar a sociedade, em especial os jovens e as crianças, sobre um assunto de tanta relevância.

Você sabia que aqueles lasers vendidos em vários lugares podem alcançar uma aeronave em voo e prejudicar muito a visão dos pilotos? Parece difícil acreditar que um artefato pequeno como as canetas de laser sejam tão potentes, mas elas são! Uma brincadeira perigosa, que pode ter um final muito sem graça.

De acordo com o artigo 261 do Código Penal Brasileiro, é crime “expor a perigo embarcação ou aeronave, própria ou alheia, ou praticar qualquer ato tendente a impedir ou dificultar navegação marítima, fluvial ou aérea.” Significa que quem for pego, pode ser preso por 2 a 5 anos. Se a brincadeira resultar em acidente aéreo, a pena sobe para 12 anos de reclusão. Muita gente não sabe disso! Não sabem dos perigos e nem imaginam as consequências!

Risco Baloeiro

Balões também oferecem perigos à aviação. Os tradicionais, movidos a combustão, e até mesmo os ecológicos (utilizam a energia solar para subir ao céu) podem ser engolidos pela turbina de uma aeronave. Um evento como este pode paralisar os motores do avião e provocar sua queda. Na edição 236 da Revista Aerovisão falamos mais detalhadamente sobre o assunto.

Denuncie

Além das ações preventivas realizadas pelo CENIPA, o centro também recebe denúncias sobre o uso da lasers e balões. Se você avistar pessoas soltando balões, mesmo os que não usam fogo, ou apontando lasers para aeronaves, denuncie! Basta acessar o link e preencher o formulário. 

cartaz 3

Cartaz desenvolvido pelo CENIPA para informar sobre os perigos do laser verde.

E aí? Gostou do post de hoje? Então faça parte da nossa batalha! Divulgue essas informações para os seus amigos! Até a próxima!

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Comente pelo Facebook