Main menu

Sede atual

O Quinto Comando Aéreo Regional (V COMAR) é a organização militar responsável por representar a FAB nos Estados da Região Sul do Brasil: Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Sua sede atual fica em Canoas (RS), mas você sabia que a Unidade é ainda mais antiga do que o município? Aliás, a origem do V COMAR é mais antiga até mesmo que a criação da FAB!

 

Aconteceu assim: no ano de 1933, foi criado, na cidade de Santa Maria (RS), o Terceiro Regimento de Aviação Militar do Exército (3º Rav).

3º RAV

3º RAV

3º RAV

3º RAV

No ano seguinte, começou a preparação para transferir o regimento para a, então, Vila Canoas, parte do Distrito de Gravataí.

Em 1935, foi inaugurado o Campo de Aviação com uma pista considerada, à época, uma das maiores da América do Sul, com 1650 metros. Já em maio de 1937, 77 anos atrás, ficaram prontas as primeiras obras na área que hoje é ocupada pelo V COMAR. Em agosto, partiram dois grupos de Santa Maria: um de trem, ocupando 28 vagões, e outro em nove aviões.

A instalação dos militares em Canoas foi determinante para a sua emancipação. O aumento da população no local exigiu melhorias nos serviços oferecidos, como fornecimento de água, saneamento básico e meios de comunicação. Canoas foi emancipada em 1939.

Só em 1941 é que houve a criação do Ministério da Aeronáutica e ativação da 4ª Zona Aérea – que tinha as mesmas funções do V COMAR, com sede em Porto Alegre e que já compreendia os Estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Também nesse ano foram criadas as bases aéreas de Porto Alegre e de Florianópolis.

Entre trocas de denominação e de sede, desde 1973 o Quinto Comando Aéreo Regional tem esse nome e permanece no mesmo local utilizando as antigas instalações do 3º RAv.

sedeRAV

sede RAV


Atualmente

O Quartel General do V COMAR desempenha funções administrativas de apoio às Unidades operacionais e coordena as relações institucionais com a comunidade e órgãos dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário.

A aproximação com a comunidade local é de grande importância, colaborando diretamente para a melhoria de vida dos cidadãos. Exemplo disso é o Pelotão Santos-Dumont, um projeto inserido no Programa Forças no Esporte do Governo Federal, e que oferece reforço escolar, prática esportiva e alimentação a cerca de duzentos meninos em situação de risco social.

Pelotão desfilando

Pelotão desfilando

Durante o período escolar, no turno em que não estão em aula, os alunos recebem almoço e lanche no refeitório do V COMAR. Lá, eles são recebidos pela equipe da Seção de Subsistência (SSUB), incluindo o Cabo Ricardo Glen, que trabalha há 18 anos no setor e se diz honrado “por colaborar com crianças tão necessitadas. O retorno deles é muito bom, são educados e tem disciplina”. O Cabo Glen diz que aprendeu muito em sua trajetória na seção e já incentiva a filha adolescente a seguir a carreira militar.

A Tenente Carolina, nutricionista, explica que, “para garantir a qualidade do que é servido nos refeitórios, mensalmente são feitas coletas para realizar análise microbiológica dos alimentos e dos locais onde são manipulados e servidos. O material coletado é analisado por um laboratório que presta consultoria na área de segurança alimentar”. Mas a função principal da SSUB é fornecer alimentação para o efetivo servindo, em média, mais de 900 refeições diariamente, sem contar o apoio a missões externas.

Tenente Carolina e Cabo Glen

Tenente Carolina e Cabo Glen

Missões essas que também são realizadas pela Assessoria de Comunicação Social e que buscam divulgar a Força Aérea Brasileira para a população em escolas, feiras, exposições e até eventos inusitados, como é o caso da Oktoberfest em Santa Cruz do Sul (RS), onde o estande da FAB é montado junto aos do Exército Brasileiro.

Oktoberfest

Oktoberfest

Também são realizadas periodicamente, em locais públicos, Ações Cívico-Sociais (ACISO), que oferecem orientações de saúde, doações de roupas e livros, informações sobre formas de ingresso na FAB, entre outros serviços como cortes de cabelo e confecção de documentos, em parceria com outras instituições. A última ACISO foi realizada no dia 14 de março em uma escola do Bairro Mathias Velho, em Canoas.

ACISO

ACISO

ACISO

ACISO

Mas a atenção com os aspectos sociais é também voltada para o público interno da Unidade, ou seja, para os militares, servidores civis, dependentes e pensionistas. Existe um Núcleo de Assistência Social, responsável por auxiliar a todos que necessitarem em momentos difíceis. Há cerca de 20 anos o Terceiro Sargento Carlos Alberto Cardoso das Neves trabalha naquele setor e sente-se realizado: “Gosto muito do meu trabalho porque ajuda aos outros. Sempre me identifiquei com o setor porque, basicamente, é um local de auxílio. Considero um trabalho importantíssimo e cada vez mais valorizado pelo público e pelos Comandantes”.

3S Neves

3S Neves

 

Mais de 40 setores integram o V COMAR e não vamos falar de todos, mas cada um é responsável, à sua maneira, por fazer a Unidade funcionar e desempenhar da melhor maneira possível suas missões.

Unidades Subordinadas e Jurisdicionadas

As bases aéreas de Porto Alegre e Florianópolis foram as primeiras Unidades Subordinadas, mas as novas demandas na defesa da soberania do espaço aéreo fizeram surgir novas tecnologias e ampliaram as atividades da FAB na Região Sul e, com isso, novas organizações foram criadas.

Os Estados da Região Sul chegaram ao século XXI sediando mais de trinta Unidades de Aeronáutica, entre Bases Aéreas, Esquadrões de Voo, Batalhões de Infantaria, Unidades responsáveis pelo controle do espaço aéreo e comunicações, Prefeituras de Aeronáutica, além de um serviço de investigação e prevenção de acidentes aeronáuticos e de um hospital, que atende aos militares, dependentes e pensionistas.

- Base Aérea de Florianópolis (BAFL) – sedia e apoia o Esquadrão Phoenix, além de outros esquadrões e Unidades que possam ser deslocadas para exercícios e operações. O 2º Esquadrão do 7º Grupo de Aviação – Esquadrão Phoenix opera aeronaves P-95B Banderulha e é responsável por missões de Patrulha Marítima e Busca.

7º GAv

7º GAv

A BAFL também é sede do Destacamento de Controle do Espaço Aéreo de Florianópolis e a Prefeitura de Aeronáutica de Florianópolis. Um Batalhão de Infantaria de Aeronáutica (BINFA) é responsável pela segurança das instalações.

BAFL

BAFL

 

- Base Aérea de Canoas (BACO) – localizada bem próxima ao V COMAR, a BACO sedia e apoia seis Unidades da FAB:

BACO

Base Aérea de Canoas (BACO)

> 1º Esquadrão do 14º Grupo de Aviação – Esquadrão Pampa. Opera aeronaves de caça F-5M e é responsável pela proteção do espaço aéreo na Região Sul, podendo realizar escoltas, combates aéreos e ataques ao solo.

Esquadrão Pampa

Esquadrão Pampa

Esquadrão Pampa

Esquadrão Pampa

> 5º Esquadrão de Transporte Aéreo – Esquadrão Pégaso. Voa aeronaves C-95 Bandeirante, C-97 Brasília e C-98 Caravan. Realiza missões de transporte de passageiros e cargas, lançamento de fardos de suprimentos, evacuação aeromédica (Evam), infiltração e exfiltração de tropas, entre outras.

ETA

ETA

> Batalhão de Infantaria de Aeronáutica Especial de Canoas – Batalhão Cruzeiro do Sul. Cuida da segurança das instalações de toda a Guarnição de Aeronáutica de Porto Alegre, podendo atuar em missões externas, como foi o caso da segurança do Hospital de Campanha da FAB no Haiti.

BINFAE-CO(3)

BINFAE

> 2º Esquadrão do 1º Grupo de Comunicações e Controle – Esquadrão Aranha. Responsável pelo transporte, instalação e operação de radares e meios transportáveis de comunicação.

2º-1º GCC

2º-1º GCC

> Destacamento de Controle do Espaço Aéreo de Canoas. Juntamente com o Destacamento de Controle do Espaço Aéreo de Porto Alegre, é responsável pelo controle de voo das aeronaves militares e civis na região.

> 1º Grupo de Artilharia Antiaérea de Autodefesa. Mais recente Unidade sediada na BACO, foi criado em 2012 para realizar treinamentos e missões de artilharia antiaérea.

GAAAD

GAAAD

Conheça todas as organizações da FAB na região Sul aqui.

V COMAR em fotos

Brigadeiro-do- Ar Nero Moura, patrono da Aviação de Caça, foi integrante do 3º RAv em Santa Maria e responsável pela transferência da Unidade para Canoas. Foi responsável pela organização e designado Comandante do 1º Grupo de Aviação de Caça, com o qual combateu na 2ª Guerra Mundial. Em 1951, foi empossado como Ministro da Aeronáutica.

Brigadeiro Nero Moura

Brigadeiro Nero Moura

Logo que o 3º RAv chegou a Canoas, as correspondências e encomendas transportadas via Correio Aéreo Nacional eram distribuídas aos moradores pelo então Sargento Danilo Cogo. Ele recebia as correspondências que chegavam de avião e saia, a cavalo, para entregá-las.

Danilo Cogo

Sargento Danilo Cogo

 

O cabo que faz a identificação de um veículo na foto da entrada do V COMAR é hoje o Suboficial da reserva Jorge Ienczak, que presta serviço de Tarefa por Tempo Certo no QG.

SO Lenczak  hoje e durante identificação do QG em 1972

SO Ienczak hoje e durante identificação do QG em 1972

 

V COMAR recebe ônibus do Hemocentro do Rio Grande do Sul para coleta de doações de sangue no V COMAR. Em um dia, foram feitas 80 coletas.

Doação de sangue no V COMAR

Doação de sangue no V COMAR

O orgulho das tradições no Rio Grande do Sul promove situações curiosas, como o desfile alusivo à Semana Farroupilha, realizado durante uma formatura semanal. Alguns militares trocam a farda pela pilcha e integrantes do Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Sentinela do Rio Grande, sediado na BACO, são convidados para desfilar.

55

Semana Farroupilha

O V COMAR tem um Serviço Regional de Ensino, responsável por realizar regionalmente os cursos de formação de Soldados de Primeira Classe, Cabos e Oficiais Convocados.

Formatura

Formatura

format

Formaturas de cursos de formação realizados no V COMAR

 

Militares e aeronaves da FAB de Canoas e Santa Maria foram acionados e operaram incansavelmente no transporte de pacientes, profissionais de saúde e equipamentos em apoio às vítimas do incêndio na boate Kiss.

kiss

Militares atuando no transporte de pacientes

Sempre que possível, a imprensa é convidada a acompanhar e mostrar à população as atividades da FAB na Região Sul.

Imprensa

Imprensa

Em 2011 foi inaugurada a Praça Força Aérea Brasileira em frente à entrada principal do V COMAR. No local foi instalada uma aeronave Xavante.

Xavante

Xavante

A Passagem do Comando do Major-Brigadeiro-do-Ar Flávio dos Santos Chaves para o Major-Brigadeiro-do-Ar Roberto Carvalho, em 2013, contou com a participação do Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro-do-Ar Juniti Saito.

Passagem de comando

Passagem de comando

Um dos eventos em que o V COMAR fez divulgação das formas de ingresso na FAB, oferecendo informações aos jovens que sonham em vestir o azul!

444

Evento de divulgação de formas de ingresso

 

Em julho faz frio no Rio Grande do Sul! A tropa do V COMAR desfila bem agasalhada na solenidade alusiva ao Aniversário de Alberto Santos-Dumont.

6

Desfile de tropa

 

Esperamos que tenham gostado de conhecer o V Comando Aéreo Regional (COMAR). Não deixem de comentar e nos enviar sugestões para as próximas postagens!

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Comente pelo Facebook