Main menu
  • Slide 2

    Você dedicou longas horas ao processo seletivo da Academia da Força Aérea e foi classificado! laughing Passou pelo Teste de Aptidão à Pilotagem Militar, fez o teste físico e realizou todos os exames médicos. Sobreviveu à saudade de casa durante o período de adaptação e finalmente está cursando o segundo ano do Curso de Formação de Oficiais Aviadores. Parabéns! cool Realmente, foi um longo caminho percorrido até aqui. Agora, é hora de dominar a aeronave T-25! Porém, mesmo que tenha imaginado esse momento por toda a sua vida, ainda existem certas informações que você não encontra numa pesquisa pela internet, não estão escritas em matérias do Portal da FAB e você não tem pra quem perguntar. Pensando em você, entrevistamos alguns cadetes e aviadores da Academia da Força Aérea para fazer a nossa lista das:

    9 COISAS QUE VOCÊ DEVE SABER SOBRE O PRIMEIRO VOO SOLO NA ACADEMIA DA FORÇA AÉREA

  • Slide 5

    E aí, pessoal? Tudo certo nos estudos e exercícios físicos? Pelo título dá para pensar que a coisa é bem complicada. Parece, mas não é! As inscrições para o Estágio de Adaptação à Graduação de Sargentos (EAGS) já se encerraram cry, mas você pode se programar pro ano que vem! laughing As do Curso de Formação de Sargentos da Aeronáutica (CFS) encerram-se no dia 31 de março (ainda dá tempo de se inscrever!). Resolvemos dar uma ajudinha pra quem ainda está perdido e não sabe qual desses exames de admissão prestar! Além disso, dia 25 de março comemoramos o dia do Especialista de Aeronáutica! Então, tudo conspira para que esse post seja de grande ajuda, né? hehe tongue-out Esperamos corresponder às expectativas e ajudá-los! Vamos lá! Valendoo! laughing

  • Slide 4
  • Slide 1

    Motoqueiro ou Motociclista? undecided

    De acordo com o Dicionário Michaelis:

    Motoqueiro: Pessoa que conduz a moto.
    Motociclista: Pessoa que conduz uma motocicleta.

    Viu alguma diferença? É porque na realidade não existe.
    De qualquer forma, ficou convencionado que o motoqueiro é o mau condutor, que não segue as leis de trânsito e comete atos imprudentes; enquanto motociclistas são bons condutores, que andam conforme as normas de trânsito e não põem em risco a sua vida e a dos outros.

    Para sanar essas e outras dúvidas, preparamos um post para quem gosta de adrenalina sobre duas rodas. cool Vamos apresentar os Batedores da FAB, sua formação e onde atuam.

    Já viu alguma escolta? Presidencial, de autoridade ou outras? Então vem com a gente!

     

A ajuda quem vem do céu: #Patrulha

P-3 ORION“Os tubarões danificaram meu barco e não posso mais seguir viagem…”, “Há 20 tubarões aqui… eu contei”, “Na minha frente há uma aeronave do Brasil…”. Essa é a descrição do holandês Ebrahim Hemmantnia enquanto gravava um vídeo no meio do Oceano Atlântico, à deriva e cercado por tubarões. Ebrahim foi encontrado pela tripulação de uma aeronave P-3AM do Esquadrão Orungan (1º/7º GAv), às 17h45 do dia 30 de janeiro de 2015. Ele é mais um exemplo da importância do trabalho de Busca e Salvamento realizado pela Força Aérea Brasileira, numa área de 22 milhões de quilômetros quadrados. No post de hoje, veja o vídeo do Ebrahim e conheça os detalhes do Projeto que fortalece essa rede de Busca e Salvamento, o P-3BR. Vem com a gente! cool

NVG: salvando vidas na escuridão

NVGVocê já deve ter ouvido falar nos Óculos de Visão Noturna (NVG), não é mesmo? Mas você sabia que a Força Aérea Brasileira (FAB) já os utilizou em um resgate REAL? Há cinco anos, em 2009, foram utilizados pela primeira vez pelo Esquadrão Pantera (5º/8º GAV), sediado na Base Aérea de Santa Maria, a bordo do clássico Helicóptero UH-1H Huey, realizando a mais nobre missão da FAB: a de salvar vidas!

Aviação carga pesada!!

Sabe aqueles enormes aviões militares que você só vê quando perto de uma Base Aérea ou em eventos promovidos pela Força Aérea Brasileira durante o ano? Sabe como eles são ? De que missões participam?

Pra começo de conversa, esses “monstros” são da #AviaçãoDeTransporte. Mas os termos “transportar” e “apoio logístico” não traduzem muito bem a sua importância, não é? #AnotaAí – lançamento de paraquedistas em áreas inimigas, Antártida, suporte para comunidades em áreas isoladas do Brasil, urnas eletrônicas, peacekeepers no Haiti. No post de hoje, conheça mais sobre essa aviação e, principalmente, sobre a mais nova e impressionante aeronave brasileira: o KC-390. Olha só!

T-27 Tucano: três décadas de muitas emoções!

Nossa querida aeronave T-27 Tucano completou 30 anos voando pela Força Aérea Brasileira! Que orgulho!

Mundialmente conhecida por representar a Esquadrilha da Fumaça, a aeronave foi desenvolvida pela Embraer em parceria com a FAB e é responsável pela formação de todos os aviadores que passaram pela Academia da Força Aérea (AFA), em Pirassununga (SP), desde a sua chegada em 1983! Ufa!

O Tucano nasceu para substituir o Cessna T-37C, antiga aeronave de treinamento.

 

O dia dos vigilantes do Brasil!

1000062_678728988811319_1912792181_nTudo começou com um balão durante a Guerra do Paraguai. Em 24 de junho de 1867, os balões foram utilizados pela primeira vez para reconhecimento das áreas inimigas e das tropas paraguaias nas fronteiras. De lá para cá, muitas coisas evoluíram! Atualmente, modernos sensores são usados por aeronaves de última geração na atividade importante de vigilância do espaço aéreo brasileiro.

Mas por que estamos falando deste dia? Simples, hoje é o dia da Aviação de Reconhecimento, os nossos olhos vigilantes do Brasil. Para entender a importância da Aviação de Reconhecimento, teremos que voltar a 1947, quando voar pela Amazônia era um verdadeiro desafio. O oceano verde e infinito era um mistério para o piloto. Não havia comunicação e radares, a leitura atenta das poucas cartas de navegação era a forma de não desviar da rota no “inferno verde” (como era chamada a Amazônia nesta época). Saiba mais agora!